A Arte da Prolixidade.

Nem eu sei por que o nome do Blog é esse, afinal, “Prolixidade” não é lá uma palavra que se lê em todo comercial de televisão, não é mesmo?

Aliás, todavia, contudo, esse Blog tem o linguajar até muito simples, contrariando a “prolixidariedade” das palavras aqui usadas.

Se você quer falar bonito, seja Prolixo!

Isso mesmo, Prolixo!

E não é xingamento não.

Oras, todos nós sabemos muito bem que esse Blog é deveras interessante para um órgão sexual fálico masculino, a onda antes era dizer: Bom pra caralho! Mas hoje isso não ta com nada!

É a mesma coisa da um de nós chegarmos pro Johann e dizer: Johann, Johann, meu caro herdeiro da profissional que atua na locação do próprio corpo por tempo determinadissimo. É muito mais fácil, não é mesmo?

Pra que chamar o cara de fela da puta?

Quero até da um conselho para vocês, meus caros telespectadores, pelamordedeus, deixam de Deglutir o batráquio, nunca chegue em uma pessoa para inflar o volume da bolsa escrotal. E nunca, nunca mesmo creditem um primata.

Mas agora vamos deixar de Prosopopéia flácida para acalentar bovinos, porque agora nós já vamos derramar água pelo chão através do tombamento violento e premeditado de seu recipiente e vamos retirar o filhote de eqüino da perturbação pluviométrica.

Puta merda! Isso enche o saco!

Mas isso é c u l t u r a !

He, He, He.

Promoção especial: Quem dizer o significado das palavras que estão escritas de forma prolixa (mas tem que dizer o significado correto!), vai participar gratuitamente da matéria “Na Cama com Johann Bauer!”

. Texto escrito por: Ícaro Uther

Anúncios

2 comentários em “A Arte da Prolixidade.

  1. Laíse Marine disse:

    Seguinte, cm eu observay primeiro,
    eu me declaro campeã do concurso
    pq as respostas já tão aí
    eu tenho provasasss
    [neh Johhan]
    q eu ganhei e pronto!!
    Promoção eh minha jah!!!
    heauheuaheua

  2. Deglutir o Batráquio= Engolir o Sapo.
    inflar o volume da bolsa escrotal= Encher o Saco.
    Creditem um primata= nunca paguem mico
    Prosopopéia flácida para acalentar bovinos=Conversa pra boi dormir
    derramar água pelo chão através do tombamento violento e premeditado de seu recipiente =Chutar o balde
    filhote de eqüino da perturbação pluviométrica, tirar o cavalinho da chuva….

    Mole…Mole.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s